Pesquise no Grupo AVPH

Tartaruga Gigante de Casco Mole Asiática


    A Tartaruga Gigante de Casco Mole Asiática ou Tartaruga Gigante de Casco Mole de Cantor, cujo nome é em homenagem ao físico, zoologista e botânico dinamarquês Theodore Edward Cantor que trabalhava para a Companhia Britânica das Índias Orientais e que descreveu pela primeira vez esta espécie.


   Habitam os rios, lagos e pântanos do interior e das regiões costeiras do sudeste da Ásia, em países como Índia, Bangladesh, Burma, Tailândia, Malásia, Camboja, Vietnam, China, Singapura, Filipinas e Indonésia. Algumas vezes elas já foram vistas nadando a beira mar em água salgada e atravessando pequenos trechos marítimos.
   São enormes tartarugas de água doce com a carapaça macia, possuindo uma espécie de couraça espessa que protege o corpo, ao invés de uma carapaça rígida como ocorre nas espécies mais comuns de tartarugas. Sua coloração é escura com tonalidade de verde oliva e marrom. Os animais jovens apresentam manchas pretas na carapaça e na cabeça e as bordas da carapaça são amareladas para auxiliar na camuflagem. Quando adultos podem chegar a medir mais de 2,0 metros de comprimento curvilíneo de carapaça e pesar 50 quilogramas.


   Os machos possuem caudas mais longas e largas que a das fêmeas. As fêmeas costumam desovar nos meses de Fevereiro a Março em bancos de areia nas margens dos rios e lagos. Cada postura de ovos costuma possuir de 20 a 70 ovos de cerca de 3,0 a 3,5 centímetros de diâmetro.
   Se alimentam basicamente de peixes, crustáceos e moluscos, porém na falta destes, podem sobreviver comendo plantas aquáticas. São caçadoras de emboscada, permanecendo enterradas nos fundos lodosos dos rios e lagos durante horas, aguardando que alguma presa passe dentro de seu raio de ataque, para então esticar rapidamente seu pescoço e se atirar para cima da presa utilizando também a sucção de água para auxiliar na captura.
   Essa espécie se encontra em elevado risco de extinção (International Union for Conservation of Nature “IUCN” red list), devido a caça para servir de alimento e a venda ilegal no mercado negro. A destruição de seu habitat também contribuiu de forma severa para redução de sua população.

Dados do Quelônio:
Nome: Tartaruga Gigante de Casco Mole Asiática
Nome Científico: Pelochelys cantorii
Época: Holoceno
Local onde viveu: Sudeste Asiático
Peso: Cerca de 50 quilogramas
Tamanho: 2,0 metros de comprimento curvilíneo de carapaça
Alimentação: Onívora

Classificação científica:
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Reptilia
Ordem: Testudines
Subordem: Cryptodira
Família: Trionychidae
Gênero: Pelochelys
Espécie: Pelochelys cantorii Gray, 1864

Sinônimos:

- Pelochelys cantorii Gray, 1864
- Pelochelys cumingii Gray, 1864
- Pelochelys cantoris Boulenger, 1889
- Pelochelys poljakowii Strauch, 1890
- Pelochelys cummingii Smith, 1931 (ex errore)
- Pelochelys cantori Pritchard, 1967 (ex errore)

Referência Bibliográfica:
- Das, I. 2008. Pelochelys cantorii Gray 1864 – Asian giant softshell turtle. In: Rhodin, A.G.J., Pritchard, P.C.H., van Dijk, P.P., Saumure, R.A., Buhlmann, K.A., and Iverson, J.B. (Eds.). Conservation Biology of Freshwater Turtles and Tortoises: A Compilation Project of the IUCN/SSC Tortoise and Freshwater Turtle Specialist Group. Chelonian Research Monographs No. 5, pp. 011.1-011.6, doi:10.3854/crm.5.011.cantorii.v1.2008, http://www.iucn-tftsg.org/cbftt



Loading...
loading...
loading...
   ® Atlas Virtual da Pré-História - AVPH.com.br | Conteúdo sob Licença Creative Commons | Política de Privacidade | Termos de Compromisso | Projeto: AVPH Produções
    Obs.: Caso encontre alguma informação incoerente contida neste site, tenha alguma dúvida ou queira alguma informação adicional é só nos mandar um e-mail. Tenha uma boa consulta !!!.